"Cabe-nos a tarefa irrecusável, seriíssima, dia a dia renovada, de - com a máxima imediaticidade e adequação possíveis - fazer coincidir a palavra com a coisa sentida, contemplada, pensada, experimentada, imaginada ou produzida pela razão." Goethe

F L U I D A


                               Ainda que tomada por profunda gratidão,
                             desligo-me pouco a pouco
                             da morna carícia 
                             que pelo sol me beija a pele.

                             Cego-me diante o bater
 das asas 
                             de uma borboleta,
                             movimentando as partículas no ar.

                             Ensurdecem-me a vida das árvores
                             e todas as vidas guardadas nelas.

                             Ignoro o  perfume
                             que insiste em me confessar 
                             a diversidade das aquarelas
                             onde sombra alguma, apaga...

                            Abandono-me 
                            no curso sistemático de um rio 
                            que delicadamente, comove as pedras
                            lembrando-me que 
                            absolutamente tudo, p a s s a...

                           Consumo o tempo
                           e me consumo em tantas margens,
                           diluindo tudo o que vivo 
                           em águas de sais
                           e pedras de água.
                        
                           lumansanaris
                           Imagem: Google


5 comentários:

Sony Azevedo

Minha amiga querida! Há quanto tempo que o tempo me vem escapando! Mas, um dia, ele me traz aos seus lindos pergaminhos bordados e fico leve como as pedras de águas que não machucam o caminhar. Lindo demais! Uma feliz votação. E que chegue a mudança tão desejada. Muita luz e paz. Beijo na princesinha e em você. Meu carinho.

Anônimo

A poetisa descreve a beleza mesmo nos momentos mais frios e amargos. Profundidade é a sua marca !mergulho! Abraços, Humberto.

Bell

Lindo!!

Que sua semana seja regada de alegrias

bjokas =)

Élys

Uma bela e poética descrição do passar da vida.
Um abraço.

jacó Filho

Simplesmente magnífico! Amei...

Real Time Web Analytics