“Não queiras ter pátria, não dividas a terra, não arranques pedaços ao mar. Nasce bem alto, que todas as coisas serão tuas...” (Cecília Meireles)

.V.I.D.A.


A vida tem demoras
Cansaços
Espinhos também...

Tem urgências
Breves descansos
Perfume no ar...

E tudo é escolha
Basta apenas saber...

As vezes, se vive inteira
Tentando aprender...

E morre precoce
Quando aprende a ser.
  
 Lumansanaris
Imagem: Google 

6 comentários:

  1. oi Lucy

    Td na vida é aprendizado, tem gente que vive anos e anos e não aprende nada.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  2. Lindíssimos e verdadeiros versos amiga, nascidos do mais íntimo do ser.A gravura também é deslumbrante, parabéns sempre.

    ResponderExcluir
  3. Quando descobrimos Deus em nosso interior, a morte muda de sentido, completamente... Magnífico seu poema! Adorei...

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Lucy.. a vida nos faz moldar caminhos e mais caminhos para aprendermos que um só não leva ng a lugar algum.. é bom tropeçar, rolar com algumas pedras..isso nos faz crescer bjs e até sempre

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde Lu!
    Sempre me encanto quando te visito, sua poesia é linda, mas podemos dar mais qualidade à vida, permanecendo vivos após o aprendizado, mesmo cansados, pois aprenderemos a nos cansar menos...
    DEUS a abençoe e inspire sempre.
    Beijos...

    ResponderExcluir
  6. Mágico! Temos que nos manter inteiras durante o aprendizado para termos força a seguir. Muita luz e paz. Beijo no coração.

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho para com as minhas digitais.

Real Time Web Analytics