"Cabe-nos a tarefa irrecusável, seriíssima, dia a dia renovada, de - com a máxima imediaticidade e adequação possíveis - fazer coincidir a palavra com a coisa sentida, contemplada, pensada, experimentada, imaginada ou produzida pela razão." Goethe

REFRÃO ANTIGO

     

        Olha amor, com mansidão
        a vida tem graças tantas
        percebe que ainda valso de emoção
        presa às nossas notas antigas...


            Então faço-me despercebida
            desse teu atordoamento
            permitindo-me um momento mais
            das alegrias de nossos “ontens”...


                    Aperta o pause antes de tocar o refrão
                    que nos lembra sermos, novamente dois...


                                 Concede-me, uma noite mais de quereres,
                                  hoje já se faz muito tarde pra morrer...

                                           
                                            Mata-me somente amanhã... ao amanhecer
                                            em respeito a luz de nossos dias.


Digitais da Alma pg 72
           Imagem: Google


 

8 comentários:

  1. Get lost the charm! The night could not get better poet, hugs...... Jack

    ResponderExcluir
  2. SERGIO NEVES - ...dizendo na língua que mais sei, e na linguagem que se faz necessária a dizer desse teu escrito: uma perfeição de poema! / ...estou sentindo, cada vez mais, arrepios de enlevo ao ler-te! / Beijo carinhoso Lu.

    ResponderExcluir
  3. Súplice, maravilhosa e tão envolvente poética que não dá para ser lida apenas uma vez. Está irretocável, Lu... Meus aplausos!

    ResponderExcluir
  4. Hermosas tu letras,..Lucy Mara encantada de leer algo tan bellamente escrito..

    besos..

    ResponderExcluir
  5. A tua forma de pedir (pedir? acharia melhor algo como apelo), amor carinho e afeto, são sempre tão carregadas de uma melancolia latente, como se o amor fosse acabar amanhã, como se as alegrias vividas estão nos escaninhos do passado.
    Tudo bem que "um poeta ou poetisa, só é grande se sofrer", mas, escreves de forma tão bela.....
    Uma bela noite, poetisa Lu

    ResponderExcluir
  6. Lucy tua delicadeza é surpreendente! A forma como organiza os sentimentos é curadora!
    Um tema tristíssimo foi musicado de forma leve e amorosa com expressões únicas!
    Belíssimo!
    Amiga, tudo de melhor e mais belo!

    ResponderExcluir
  7. Querida!!!!!!!!!!!
    Parabéns pelo aniversário do seu site! É um espaço belíssimo de onde não dá vontade de sair!
    Que cada vez mais você possa nos presentear com sua digitais tão únicas!
    Sucesso, felicidades e muita inspiração!

    ResponderExcluir
  8. Sim! Deve ser lido várias vezes!
    De arrepiar..
    Beijos, querida!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho para com as minhas digitais.

Real Time Web Analytics